FERRO E AÇO MACHADO EM ALTO SANTO-CE

quarta-feira, 28 de junho de 2017

Oito vereadores são presos no Ceará nesta manhã de quarta-feira (28)




undefined

A promotora de Justiça de Itarema (Litoral Oeste), Maiara Bezerra, com apoio do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (GAECO), comanda, nesta quarta-feira, a “Operação Fantasma” nesse município, com apoio da Polícia Civil.
Até agora, foram presos oito vereadores de um total de 13, investigados por crime de estelionato, falsidade ideológica, falsidade de documento particular e peculato. Foram cumpridos 19 mandados de busca e apreensão, 32 mandados de condução coercitiva – servidores e comissionados da Câmara Municipal de Itarema.
A investigação começou quando da apuração de irregularidades na área do benefício previdenciário, em razão de suposto vínculo com a Câmara Municipal. Ou seja, era “laranja” e não sabia. No decorrer da investigação, descobriu-se que havia muitas contratações de servidores fantasmas.
Blog do Eliomar/O Povo

TJCE quer extinguir 34 comarcas vinculadas; Potiretama, São João, Jaguaribara e Ererê aparecem na lista




Clique para ampliar
O Tribunal de Justiça do Estado (TJCE) apresentou ontem (27), em sessão na Ordem dos Advogados do Brasil - Secção Ceará (OAB-CE), a proposta de reestruturação da organização judiciária no Estado. Envolto em discussões, o projeto prevê a extinção de 34 comarcas vinculadas e a transferência de 26 unidades judiciárias de municípios com menores demandas para cidades adjacentes. Para o TJCE, a medida deve garantir mais celeridade no julgamento de processos e redução de gastos no Judiciário estadual. Já membros da OAB acreditam que a medida pode dificultar o acesso da população à Justiça no Interior.

De acordo com a proposta, comarcas vinculadas localizadas em 34 municípios deixariam de existir e teriam seus processos encaminhados para suas respectivas sedes, onde seriam julgados pelos mesmos juízes responsáveis. No caso das transferências, as unidades suprimidas seriam incorporadas a estruturas de maior porte consideradas pelo TJCE pontos de estrangulamento, uma vez que apresentam grande congestionamento processual. Estes locais absorveriam as demandas das unidades transferidas e utilizariam a estrutura funcional para reforçar o atendimento processual.

O projeto deve seguir para análise do pleno do TJCE e da Assembleia Legislativa nas próximas semanas. Na visão do juiz Marcelo Roseno, coordenador do Grupo de Trabalho que elaborou a proposta, a medida atende a duas necessidades do Judiciário: distribuição racional dos processos e diminuição de gastos.
"Não adianta ter uma unidade que recebe 1.200 processos por ano e, a 8km de distância, uma que recebe um terço disso. Existem juízes com demandas desiguais e isso acarreta demora no julgamento dos processos", defendeu. "Além disso, quando diminui a capilaridade, obviamente há uma redução dos custos, o que atende a outra necessidade, que é a contenção de gastos", acrescentou.

Críticas
Membros do Conselho Seccional da OAB-CE se posicionaram contra a proposta de forma quase unânime. Parte dos conselheiros defendeu que a entidade ingressasse com ação judicial para tentar barrar o projeto caso seja aprovado na Assembleia Legislativa e sancionado pelo governador Camilo Santana.

Segundo o presidente da entidade, Marcelo Mota, a proposta representa retrocesso nas garantias de acesso da população à Justiça. Mota também questionou se a medida teria, de fato, repercussão significativa no orçamento do Judiciário.

"Não conseguimos enxergar o impacto financeiro que essas modificações vão ter e se elas não vão obstacularizar o acesso ao Poder Judiciário, lembrando que esse acesso está previsto na Constituição Federal", destacou. "Não podemos só pensar em Fortaleza, mas também naquele jurisdicionado que reside no interior do Estado e que poderá, nessas alterações, vir a sofrer prejuízo grande", completou. Sobre a possibilidade de ajuizar ação contra a proposta, Mota ressaltou que a ideia é "prematura" e que a entidade está disposta a dialogar com o TJCE.

Marcelo Roseno salientou que a ideia do projeto não é dificultar o acesso à Justiça e, sim, dar tratamento mais racional às demandas, promovendo celeridade. "A manutenção da estrutura que temos hoje, com instalações físicas, mas sem poder dar atendimento adequado, acaba gerando falsa sensação de aceso. A pessoa querem respostas do Poder Judiciário, não só fazer demandas", afirmou.

DN

terça-feira, 27 de junho de 2017

Vereador sugere comer cães de rua para diminuir número de animais











“Tínhamos que fazer igual no Japão: comer esses cachorros e acabar com isso”, declarou o vereador Wellinton Arantes (PSB) 

A afirmação foi feita durante sessão na Câmara Municipal da cidade de Ituiutaba, onde era discutida soluções para o aumento da população de animais de rua na cidade.

O vereador “Batuta”, como é conhecido o parlamentar, fez a declaração em tom de deboche, afirmando que a alternativa para acabar com os animais de rua era comer a carne deles. “Tínhamos que fazer igual no Japão: comer esses cachorros e acabar com isso”. O parlamentar complementou a declaração perguntando: “Se nós não estamos fazendo cirurgias eletivas na Secretaria de Saúde, vamos fazer em cachorro?”.

O caso causou polêmica na cidade e revoltou protetores e ativistas da causa dos animais. A presidente da Sociedade Protetora dos Animais de Ituiutaba, Mariana Cunha Santana, considerou o posicionamento do vereador como sendo de “extremo desgosto”. Mariana afirmou que sentiu angústia ao constatar que um representante do povo, formador de opinião, com a responsabilidade de ser um cidadão modelo, exemplo para os munícipes, expresse um pensamento desumano, ferino e em total afronta à legislação vigente.

Houve a possibilidade de processo por quebra de decoro parlamentar, mas foi minimizada pelo presidente da Câmara, vereador Odemes Braz (PSDB) que encarou o fato apenas como uma “opinião” do colega.

O que diz a legislação brasileira sobre isso
A lei 9605/98 é clara sobre atos de abuso ou maus tratos a animais no Brasil, a pena para tal crime pode chegar a um ano. Em caso de morte do animal, como sugeriu o vereador, a pena pode ser aumentada em 1/6 a 1/3.

Por: Massapê Blog

De agosto à outubro mananciais que abastecem Alto Santo, Jaguaruana e Limoeiro do Norte devem secar






Doze cidades cearenses só têm água garantida até julho e Mananciais de 36 municípios do Ceará devem atingir volume morto entre agosto e outubro.
Doze dessas cidades, que já estão em situação crítica, devem ter abastecimento só até o próximo mês. Por isso, medidas emergenciais para a garantia de água nesses locais são estudadas pelo Governo do Estado.
Segundo o secretário das Cidades, Jesualdo Farias, “a perspectiva para 2018 também não é das melhores”. Jesualdo participou ontem da reunião do Conselho Estadual das Cidades (Concidades), que discutiu a situação hídrica do Ceará.

Para suportar um possível sétimo ano de seca, soluções foram debatidas no encontro, com conselheiros do Concidades e representantes da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh) e Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece).
Ações emergenciais contra a seca foram apresentadas, considerando ainda iniciativas de grande porte, como a transposição do rio São Francisco — cujas águas devem chegar ao Sul do Estado em fevereiro de 2018 — e projetos de dessalinização e reúso de água.
Açudes como Vieirão (Boa Viagem), Serafim Dias (Mombaça) e Poço da Pedra (Campos Sales) já são considerados totalmente secos pelo Estado. Por enquanto, segundo a Cogerh, os 12 municípios com situação mais crítica são atendidos por carros-pipa. Para evitar o colapso, dezenas de poços devem ser perfurados no próximo mês.
Conforme Hélder Cortez, diretor da Unidade de Negócios do Interior, da Cagece, o Estado “desenvolve uma solução para cada cidade que tem problema de abastecimento”. Dentre os 12 municípios mais prejudicados com a falta de água, Catarina, Boa Viagem, Iracema, Pereiro, Potiretama e Granjeiro podem receber adutoras de montagem rápida (AMRs). Os equipamentos ainda estão em planejamento.
“O importante é planejarmos água até a próxima quadra chuvosa e aguardar a previsão para 2018”, disse Hélder, ressaltando que o abastecimento da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) está “garantido para este ano”.
Projeto
Para contornar a baixa perenização dos rios e diminuir a vulnerabilidade dos cursos de água, Bruno Rebouças, assistente da Diretoria de Operações da Cogerh, apresentou, na reunião, o projeto Malha d’Água. A iniciativa deve ser lançada em breve pelo órgão. “A gente não espera só pela água das chuvas. Estamos tomando medidas para aumentar nossa capacidade de resistência. Em condições normais, perenizamos 2,5 mil quilômetros de rio, hoje, menos de 600. Com adutoras, cidades poderão ser ligadas a mananciais que tenham resiliência a longos períodos de estiagem, para diminuir essa perda”, antecipou Bruno.
Saiba mais
Os 24 municípios cujos mananciais devem secar entre agosto e outubro são: Alto Santo, Apuiarés, Aratuba, Baixio, Cariús, Catunda, Icó, Ibaretama, Ipaumirim, Itapiúna, Jaguaruana, Jucás, Limoeiro do Norte, Milhã, Monsenhor Tabosa, Mulungu, Pacoti, Palmácia, Potengi, Salitre, São Luís do Curu, Solonópole, Tamboril e Umari.
A usina de dessalinização cearense, a primeira do Brasil, deve ter capacidade de gerar, por segundo, 1m³ de água para a rede de abastecimento, o equivalente a 12% do consumo de Fortaleza.
A expectativa é de que a partir de 2020 o uso desta água seja possível, segundo Jesualdo Farias. O Governo aguarda retorno do Tribunal de Contas do Estado (TCE), até o próximo dia 30, para dar prosseguimento ao edital de estudos de implantação da usina, suspenso em maio.

O Povo

Três presos fogem por buraco em parede da delegacia de Alto Santo-CE











Nesta segunda-feira, dia 26, por volta das 06h, foi constatado um buraco na parede de uma das celas da cadeia pública, sendo que após a contagem dos presos, foi verificada a fuga de três detentos, os quais foram identificados por Alano De Sousa De França (que responde por crime de furto), Jorge Adriano Bezerra Rodrigues, (preso mediante mandado de prisão fundamentado em crime de homicídio), e Antonio Daniel Bazilio Souza, (que também responde por crime de furto).

Após tomar conhecimento da fuga, equipes da PM iniciaram buscas aos foragidos, mas até o presente momento não obtiveram êxito na captura dos mesmos.


domingo, 25 de junho de 2017

Jovem de 18 anos morre em acidente de moto no município de Tabuleiro do Norte-CE




*ACIDENTE DE TRÂNSITO COM VÍTIMA FATAL*

*(TABULEIRO DO NORTE/CE)*


Ontem 24/06/2017, (Sábado), por volta das 21h30, aconteceu  um acidente de trânsito na CE 358 próximo ao destrito de Olho d’agua da Bica/Tabuleiro do Norte-CE, onde foi vítima fatal quando pilotava a  MOTOCICLETA HONDA, CG/125 FAN, DE COR PRETA, PLACA HYU 3172, a pessoa identificada como *Francisco Lucas Braúna Texeira*, natural de Tabuleiro do Norte-Ce, nascido aos 25/10/1999, residente no Sítio Carnaubau, Zona Rural de Tabuleiro do Norte-Ce, solteiro, agricultor, foi socorrido pela ambulância do Hospital Municipal de Tabuleiro do Norte-Ce, mas não resistiu aos ferimentos e veio à óbito.

quinta-feira, 22 de junho de 2017

MOTORISTAS COM MULTAS GERADAS ATÉ 31 DE DEZEMBRO DE 2015 PODEM OBTER DESCONTO E QUITAR DÍVIDAS NO DETRAN















Serão beneficiados motoristas multados até o dia 31 de dezembro de 2015.


Pessoas físicas ou jurídicas podem quitar, em condições especiais, débitos relativos a multas no Departamento Estadual de Trânsito (Detran), geradas até 31 de dezembro de 2015. Lei estadual sancionada em abril permitiu que motoristas que têm multas de até mil Unidades Fiscais de Referência do Ceará (Ufirces) quitem o débito pagando 20% do valor da dívida. A Secretaria da Fazenda estipulou o valor de uma Ufirce em R$ 3,94424.


Em caso de o débito ser superior a mil Ufirces (ou seja, acima de R$ 3.942,4 mil), o contribuinte pode obter a remissão com o pagamento do valor excedente, à vista ou parcelado, juntamente com a taxa de 20% sobre as mil ufirces.


Para aderir à negociação, o interessado deve fazer o pagamento à vista no site do órgão ou parcelar, com pagamento até o fim de dezembro. Para o parcelamento, o contribuinte deve se dirigir ao setor de Arrecadação, localizado na sede do Detran, no Bairro Maraponga, ou nas unidades regionais do órgão. Na ocasião, o motorista deve estar com o documento do veículo, Carteira Nacional de Habilitação e comprovante de endereço.


A lei não autoriza o ressarcimento dos tributos que já foram pagos pelo contribuinte. Caso a dívida já tenha sido paga, o Detran não poderá restituir o valor.

terça-feira, 20 de junho de 2017

Lula vem ao Ceará




undefined

O ex-presidente Lula deve vir ao Ceará em setembro, onde participará de evento político organizado pela deputada Luizianne Lins e a esquerda do PT cearense.
O ato público tem o objetivo de lançar a candidatura de Lula a presidência da República em 2018.
Blog Roberto Moreira

Agência do BB de Jaguaribara e outras quatro cidades do Ceará serão fechadas




undefined

Conforme o diretor, o temor pelo fechamento das agência tem como base a informação divulgada pelo Banco do Brasil de que iria fechar unidades explodidas. No Ceará serão fechadas as agências de Madalena, Pedra Branca, Jaguaribara, Pindoretama e Itapiúna. Em cinco meses este ano, o BB foi atacado12 vezes, o Bradesco, 10.
"O Sindicato vem conversando com câmaras de vereadores e fazendo articulações com sindicatos de municipais e trabalhadores rurais desses municípios para, junto à Superintendência do banco, pedir a reversão dessa determinação", informa o sindicato.
Até maio deste ano foram 20 arrombamentos, um assalto, cinco tentativas de arrombamento, duas saidinhas e três ataques a carros fortes, com a morte de um vigilante em 11 de abril, em Fortaleza. Os dados são do levantamento do sindicato.
Os números são próximos ao mesmo período do ano passado, quando foram contabilizados 33 ataques, mas com menor número de explosões.

sábado, 17 de junho de 2017

Ônibus sai do Ceará, tomba e deixa dez mortos no sul do Piauí Veículo pertence à empresa Gênesis e o acidente aconteceu em via conhecida como "estrada da morte"










Um acidente com um ônibus, na manhã deste sábado (17), na BR-135, sul do Piauí, deixou dez mortos e 18 feridos, de acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

O ônibus, da empresa Gênesis, saiu inicialmente de Boa Viagem (CE) e fazia o trajeto entre Sobral (CE) e Brasília (DF) quando perdeu o controle no final de uma curva fechada em declive, saiu da pista, e bateu na mureta da pista, tombando posteriormente e batendo em uma árvore. O acidente aconteceu por volta das 7h, numa região próxima ao povoado de Paus, município de Monte Alegre do Piauí (786 km de Teresina).



Segundo a PRF, oito pessoas morreram ainda no local do acidente. Os feridos foram levados para o Hospital Municipal de Bom Jesus (PI), alguns deles em estado grave. De acordo com a PRF, o local não possui cobertura de sinal de celular e a comunicação com as equipes que trabalham no local está difícil. Equipes da PRF e do Samu (Serviço de Atendimento Médico de Urgência) foram enviados ao local.

Ainda de acordo com as autoridades, o ônibus, que levava um total de 31 passageiros, possuia uma liminar que autorizava o transporte interestadual e tinha como destino final São Paulo. Três pessoas que estavam dentro do veículo não sofreram qualquer tipo de ferimento e saíram ilesas do acidente.

ônibus 1

Estrada da morte

Na última segunda-feira (12), uma colisão frontal entre dois veículos no mesmo trecho da estrada deixou seis vítimas fatais.

Conhecida como "estrada da morte", a BR-135 é considerada uma das estradas mais perigosas do país, com acidentes constantes. O trecho próximo ao local onde aconteceu o acidente fica dentro de um cinturão de produção de soja, com tráfego de caminhões pesados.

No início deste ano, peritos da PRF realizaram uma vistoria na qual identificaram irregularidades como falta de sinalização, pista estreita e falta de acostamento. Em alguns trechos, o desnível entre a pista e o terreno nas laterais chega da 35 centímetros, resultando no tombamento de veículos

Mulher é morta á bala neste sábado em Limoeiro do Norte-CE






Um homicídio ocorreu neste sábado (17)  no cruzamento da Rua Francisco Holanda, com a Augusto Fidelis, no Bairro Santa Luzia, nas proximidades da Pousada e Hotel O Bezerra, em Limoeiro do Norte no Vale do Jaguaribe

A vítima foi  a jovem Amanda Kelly, a mesma foi atingida por disparos, em seguida socorrida para o  Hospital Regional (SESP), ainda com vida. 

Porém não resistiu aos ferimentos, e veio a óbito.

Fonte: Banabuiú é Notícia

sexta-feira, 16 de junho de 2017

Reunião tensa reduz a vazão de água do Castanhão para a Região Metropolitana de Fortaleza





Reunião tensa reduz a vazão de água do Castanhão para a Região Metropolitana de Fortaleza
Representantes do governo precisaram apelar, pois existia uma proposta de zerar a transferência.

 Um clima de tensão, com agressões verbais contra representantes da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh) e a disputa por água entre a Bacia do Baixo Jaguaribe e a Metropolitana marcaram o Seminário de Alocação Negociada de Água dos Vales Jaguaribe e Banabuiú, realizado, ontem, nesta cidade do Centro­Sul, no auditório do Campus Multi­Institucional Humberto Teixeira. 

O evento reuniu usuários e integrantes dos comitês de Sub­bacias Hidrográficas do Alto, Médio e Baixo Jaguaribe, Banabuiú e Salgado.
Mais de 500 pessoas lotaram o auditório.


A reunião, que começou por volta das 9h30, estendeu­se até as 16h30. De um lado, o governo do Estado querendo manter um mínimo de locação de água para a Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Do outro, os comitês querendo suspender até dezembro a transferência do recurso hídrico do Açude Castanhão (que está com 5,4%) para a Capital, Termelétricas, indústrias do Pecém e de outras cidades do seu entorno.
O Castanhão, maior açude do Estado, está com 5,48% da capacidade (Foto: Honório Barbosa), enquanto o segundo maior açude do Estado do Ceará, o Orós, localizado no Centro ­Sul do Estado, conta, atualmente, com 10,24%
da sua capacidade total, que é de 1.940 hm³ (Foto: J L Rosa)


Por pouco, a proposta de zerar a liberação de água do Castanhão para a RMF não foi aprovada. A intervenção do diretor da Cogerh, Gianni Lima, que apresentou uma proposta conciliadora, evitou o agravamento da crise e a necessidade de intervenção do Conselho Estadual de Recursos Hídricos (Conerh), que poderia modificar uma decisão coletiva dos comitês.
Na foto a baixo, o Açude Arrojado Lisboa, mais conhecido como Banabuiú, localizado no Sertão Central do Ceará, é o terceiro maior reservatório do Estado e hoje acumula apenas 0,75% da sua capacidade. (Foto: Alex Pimentel).

Redução
Foi aprovada, então, a proposta de manter a liberação de 3m3/s para o Eixão das Águas, reduzindo a transferência para a RMF, que deve ficar em torno de 1,2m³/s, manter 0,95m³/s para o Distrito de Irrigação de Tabuleiro de Russas (Distar) e aumentar em 50l/s a vazão atual de bombeamento reverso para o Canal do Trabalhador. Outra proposta aprovada foi a liberação de 4,5m³/s para o Baixo Jaguaribe, para reduzir perdas de perenização e atender abastecimento humano até a localidade de Sucurujuba, em Quixeré. Haverá ainda liberação de água para pequenos produtores e consumo dos animais.

Em relação à alocação do Orós, que acumula 10%, ficou definida a liberação de 3m³/s para atender localidades e cidades do Médio Jaguaribe, até Jaguaretama. A proposta apresentada pelos usuários e integrantes da Bacia Hidrográfica do Alto Jaguaribe de reduzir para 2m³/s foi derrotada. "Estamos vivenciando uma crise hídrica que vai se agravar e ainda estão brigando por água para irrigação", lamentou Paulo Landim, integrante do comitê. "Os moradores de Orós, Icó e localidades rurais serão prejudicados".

O presidente da Cogerh, João Lúcio Farias, assistiu pacientemente as discussões acaloradas e interveio em algumas ocasiões, mas ficou aliviado ao fim da reunião, quando viu a proposta de zerar a transferência de água para a RMF ser derrotada. "Já esperava que o clima seria tenso porque a crise se agrava, as reservas estão reduzidas e muitos querem manter suas atividades produtivas", observou.
Apelo
João Lúcio frisou que, sozinhas, as reservas de água na Bacia Metropolitana são insuficientes para atender à demanda da RMF até outubro de 2018. "Precisamos do Castanhão. Não ir água para lá é muito grave". A diretora da Cogerh, Débora Rios, fez um apelo à sensibilidade, mostrando que são 3,5 milhões de moradores na RMF.
Representantes da Bacia do Baixo Jaguaribe e dos distritos de irrigação insistiram em manter atividades produtivas, cultivo de fruteiras, capim, grãos e criação de camarão. O gerente da Federação das Associações dos Produtores do Perímetro Irrigado Jaguaribe Apodi, Karlos Welby, observou que houve uma redução de 75% da área cultivada, desemprego de cerca de 4 mil trabalhadores. "A situação é crítica. A nossa esperança é que a produção seja retomada quando a água voltar ao Ceará".

O gerente do Distrito de Irrigação Tabuleiro de Russas (Distar), Roberto Bastos Cadengue, mostrou­se irritado e denunciou que o governo do Estado, por meio de decreto, inverteu a prioridade do uso de água, favorecendo as atividades industriais, em detrimento da agropecuária. "Não tire água do Tabuleiro de Russas, se não os senhores vão ver o cão", disse.

Alguns lamentaram a falta de prioridade para o consumo humano. "Há moradores de cidades no Baixo Jaguaribe, em vilas rurais, sofrendo e que vão sofrer com a falta de água e ainda estão querendo manter atividades produtivas", questionou Maurício Lima, integrante do Comitê de Bacias.
A meteorologista da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), Meire Sakamoto, mostrou análises preliminares sobre o risco de uma quadra chuvosa em 2018 novamente desfavorável à recarga significativa dos reservatórios. Enfatizou, entretanto, que os dados mais precisos serão divulgados
em dezembro, sobre a formação ou não de El Niño e as condições de temperatura dos oceanos Atlântico e Pacífico Equatoriais.


Polarização
"Já esperava que o clima da reunião seria tenso e ficou evidente o conflito entre o Baixo Jaguaribe e a Região Metropolitana", ressaltou João Lúcio Farias  Presidente da Cogerh.


Fonte: Tv Jaguar / Diário do Nordeste

Cantora de Forró Eliza Clívia e o marido morrem em acidente de carro no Centro de Aracaju, diz produtor






A cantora Eliza Clívia morreu na tarde desta sexta-feira (16) em um acidente automobilístico na capital sergipana. (Foto: Divulgação) 
 

No início da tarde desta sexta-feira (16) a cantora paraibana Eliza Clívia, 36 anos, ex-vocalista da Banda Cavaleiros do Forró , e o marido o baterista Sérgio Ramos morreram em um acidente de trânsito no Centro de Aracaju, segundo o produtor da cantora Jailson Souza.

A cantora, que iniciou a carreira solo há quatro meses, estava em Aracaju para divulgar um show, que seria realizado na noite desta sexta-feira (16), e fazer entrevistas. 

 

 Acidente ocorreu no início da tarde no Centro de Aracaju (SE). (Foto: Ana Fontes/TV Sergipe)

Acidente ocorreu no início da tarde no Centro de Aracaju (SE). (Foto: Ana Fontes/TV Sergipe) 

 Ônibus que bateu no carro em que estava a cantora. (Foto: Ana Fontes/TV Sergipe)

Ônibus que bateu no carro em que estava a cantora. (Foto: Ana Fontes/TV Sergipe)

De acordo com Souza , ela e o marido estavam em um veículo que bateu em um ônibus nas esquinas das ruas Arauá e Maruim, quando retornavam de uma entrevista. Além do casal, outras três pessoas da equipe estavam no carro foram socorridas, com ferimentos leves, e encaminhadas a um hospital de Aracaju. E segundo a polícia, elas foram identificadas como: Cleberton José dos Santos, João Paulo Tavares da Silva e Paulo Texeira de Carvalho. 

 Sérgio Ramos postou esta foto no Dia dos Namorados. (Foto: Reprodução/Instagram)

Sérgio Ramos postou esta foto no Dia dos Namorados. (Foto: Reprodução/Instagram)

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) informou através de nota o estado de saúde das vítimas: Ceberton José dos Santos, 35 anos, dirigia o carro de passeio, foi retirado das ferragens e estava consciente, desorientado, com sangramento auditivo, mas sem sinais de fratura. Paulo Teixeira de Carvalho, 38 anos, estava sem sinais de fratura e reclamando de dor lombar. João Paulo Tavares da Silva, 32 anos, também não apresentou fratura e apresentou dores no tórax. Eles permanecem internados no Hospital de Urgência de Sergupe (Huse) sem previsão de alta. 


O Instituto Médico Legal (IML) de Sergipe informou que os corpos já foram recolhidos e aguarda os familiares para serem liberados. 
 Na quinta-feira (15), Eliza Clívia publicou uma foto com a leganda:


Na quinta-feira (15), Eliza Clívia publicou uma foto com a leganda: "Na estrada agora a caminho de Aracaju/SE... vou rever e matar a saudade do meu povo querido e amado!". (Foto: Reprodução/Instagram)
 Horas antes do acidente, a cantora postou uma foto em uma rede social no estúdio de uma emissora de Aracaju (SE). (Foto: Reprodução/Instagram )
 




Horas antes do acidente, a cantora postou uma foto em uma rede social no estúdio de uma emissora de Aracaju (SE). (Foto: Reprodução/Instagram ) 


FONTE: G1 

Chacinas ordenadas por chefes de facções "turbinam" a alta da criminalidade no Ceará




 

Assassinatos em série desafiam as autoridades da Segurança Pública e da Justiça e deixam um rastro de impunidade pela precariedade das investigações 
 
E o Ceará ultrapassou nesta sexta-feira (16) a triste marca dos dois mil assassinatos em 2017. Esse “impulso” nas taxas dos Crimes Violentos, Letais e Intencionais (CVLIs) se deu por conta da guerra travada entre as facções criminosas Comando Vermelho (CV) e Guardiões do Estado (GDE). A briga entre os grupos criminosos que, antes, era restrita aos porões do Sistema Penitenciário, passou para fora das cadeias e atinge, diretamente, os cidadãos aqui fora na sociedade.

E neste contexto da violência, a Capital é a região do estado que mais vem sendo abalada. Somente entre os dias 1º de janeiro e 12 de junho, nada menos, que 789 pessoas foram mortas. Na Região Metropolitana foram 490, e no interior outras 764. Total, 2.043 homicídios.  A matança está praticamente fora do controle do estado e vem sendo “turbinada” por chacinas, onde, de uma só vez, várias pessoas perdem a vida de forma brutal.
Cabe às autoridades o dever de corrigir isto. Com medidas efetivas de combate ao crime, com o confinamento dos chefes das facções e o impedimento (legal) de eles continuarem se comunicando com seus “soldados” aqui fora. A persistir a liberdade de celulares nas cadeias, dificilmente o crime será contido. Agora, a pergunta que não quer calar: Cadê os bloqueadores??? Só Jesus na causa!

CHACINAS E RESPOSTAS
A secretária da Justiça e da Cidadania do Ceará, procuradora de Justiça Socorro França, informou em entrevista recente, que há uma ligação entre essa matança que acontece nas ruas da Grande Fortaleza e os grupos criminosos que estão dentro das cadeias. A chacina que deixou cinco pessoas mortas na periferia da cidade de Horizonte, na RMF, teve repercussão imediata nos xadrezes e corredores da Casa de Privação Provisória da Liberdade Professor Clodoaldo Pinto, a CPPL 2, em Itaitinga, na última segunda-feira 12.  Pessoas mortas eram familiares de alguns presos daquela unidade. A revolta tomou de conta do local e os boatos de transferências de presos aumentaram o calor do clima de tensão na CPPL, culminando numa rebelião que durou cerca de 18 horas.

SEM DELEGADO, SEM INVESTIGAÇÃO
Os números são os que já havíamos revelado nesta coluna. Cerca de seis mil inquéritos policiais estão empilhados na Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Sem delegados suficientes para presidir os inquéritos e comandar as investigações, aquele órgão não tem muito o que fazer diante de tão grave situação.  Os documentos estão inconclusos, isto é, não foram encerrados porque falta identificar os autores dos assassinatos. Isso gera uma onda de impunidade coletiva. São dezenas e dezenas de crimes de morte que, provavelmente, ficarão sem solução. Os homicidas permanecerão livres, sem a reprimenda do Estado e da Justiça. E tome impunidade neste Ceará!!!

POLICIAIS DESASSISTIDOS
Subiu para 16 o número de agentes da Segurança Pública mortos no Ceará. O último foi um cabo do Batalhão de Policiamento de Eventos (BPEV). José Roger Marques da Penha, 45 anos, foi executado, a tiros, na tarde de quarta-feira passada (14). Segundo informações extra-oficiais, ele tinha problemas com drogas. Chegou a ser expulso da Corporação em 2014, por conta de um caso e assassinato, mas conseguiu ser reintegrado às fileiras da Corporação pelas vias judiciais. O caso de Roger é típico em relação aos servidores da Segurança que não recebem acompanhamento terapêutico para se livrarem das drogas, da bebida e outros vícios danosos à saúde. Por sorte, o novo secretário da Segurança Pública, André Costa; e o novo Comando-Geral da PM estão atentos a isto e já anunciaram medidas para solucionar esta questão. Viva!

SEGURANÇA EM SENADOR
Prefeito de Senador Pompeu, Maurício Pinheiro, emitiu uma nota para falar acerca das providências que vem tomado com vistas a trazer segurança e tranqüilidade para o povo daquele Município. Tem se reunido com as autoridades da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social, Ministério Público, Poder Judiciário e representantes da própria sociedade local. O objetivo é traçar estratégias que possam reduzir a criminalidade. Recentemente, uma escola municipal foi atacada por criminosos. A Polícia foi atrás e, dias depois, o caso acabou solucionado com a prisão de um dos ladrões e a recuperação dos objetos furtados.

E TEM MAIS:

* A falta de delegados na DHPP do Ceará é notória e quando a situação “aperta”, como vários casos de assassinatos ao mesmo tempo (o que tem se tornado rotineiro) o jeito é chamar os profissionais que estão em casa. Eles abandonam a folga e formam equipes extras. Enquanto isso, o governo tem um cadastro de reserva com candidatos de alta qualidade que passaram no concurso e estão aguardando serem convocados a fazer o curso de formação e assumir os cargos. O déficit é de mais de 350 profissionais.

* Se faltam delegados na DHPP e na Polícia Civil em geral, na Perícia Forense (Pefoce) não é diferente. Nos Núcleos Regionais da instituição, em sete cidades do Interior (Juazeiro do Norte, Sobral, Russas, Quixeramobim, Tauá, Iguatu e Canindé) a situação é precária, para não dizer lastimável. Em Tauá só tem um perito. Em Iguatu também.  Em Quixeramobim só dois. Concurso já!

* Um crime que não deve cair na vala da impunidade. A morte cruel e covarde do blogueiro e radialista Luis Gustavo da Silva, o “Guga”, em Aquiraz. O comunicador fazia um trabalho de qualidade e de muita repercussão naquele Município da RMF. Foi assassinado na última quarta-feira (15), na presença da esposa. Crime político ou por ordem do tráfico. A Imprensa roga ao governador Camilo Santana e ao secretário André Costa que tomem providências e não deixem que se torne mais um inquérito a ficar  sem solução no Ceará.

* Uma carnificina está prestes a acontecer no Sistema Penitenciário do Ceará devido ao agravamento da “guerra” entre as facções criminosas. Na CPPL 2, detentos da massa carcerária e que não pertencem a nenhum grupo organizado, estão revoltados com os integrantes da GDE e ameaçam um confronto. Já na CPPL 3, as fugas e resgates são constantes envolvendo os membros do PCC. Na CPPL estão presos  que foram transferidos do IPPOO 2. A confusão é total no sistema. E as ameaças das facções se espalham pelas redes sociais. A coisa ta feia!!!!

FONTE: CEARA NEWS7

MPCE ajuíza Ação Civil Pública para garantir o direito dos aprovados no concurso da Prefeitura de Limoeiro do Norte





O prefeito de Limoeiro do Norte, Zé Maria Lucena (PMDB), cancelou no início do mês passado o concurso público que havia sido realizado pela gestão anterior, do ex-prefeito Paulo Duarte (DEM). O concurso já havia sido concluído, e os aprovados reivindicam a nomeação. O decreto do prefeito que anula o exame foi publicado algumas horas após o Ministério Público do Estado do Ceará recomendar que Zé Maria não realizasse contratação de pessoal até que os aprovados do concurso fossem convocados.
undefined

Ontem (14), os promotores de Limoeiro do Norte ajuizaram uma Ação Civil Pública no intuito de assegurar o direito dos aprovados em serem convocados e tornar nulo o ato do prefeito.
O processo correrá na 3ª Vara da Comarca de Limoeiro, da qual o Dr. Wilson de Alencar Aragão está respondendo como juiz substituto, até que a Dra. Samea Freitas da Silveira retorne das férias.