FERRO E AÇO MACHADO EM ALTO SANTO-CE

quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Grandes brasileiros devem R$ 1,59 bi à União, e Atlético-MG lidera a lista

Segundo levantamento do jornal Folha de S. Paulo, os 12 maiores clubes do País assumem 40% da dívida total, que é de R$ 3,7 bi

O grupo de 12 maiores clubes do Brasil deve R$ 1,59 bilhão à União, revelou reportagem do jornal Folha de S. Paulo, que teve acesso ao relatório da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional. Dívidas bancárias, com fornecedores e impostos municipais e estaduais não estão no montante. O Atlético-MG é a equipe que mais deve, seguido por Flamengo, Botafogo e Corinthians.

A dívida total, ainda segundo estimativa do governo e considerando também as equipes menores, bate R$ 3,7 bilhões, portanto, 40% do total são referentes apenas a 12 clubes do País: Palmeiras, Corinthians, São Paulo e Santos, Flamengo, Fluminense, Botafogo e Vasco, Internacional e Grêmio, Cruzeiro e Atlético-MG. Cerca de R$ 1,1 milhão é decorrente de impostos atrasados.


Na última segunda-feira (20), a presidenta Dilma Rousseff vetou o artigo 141 da Medida Provisória 656, que permitiria renegociação dos débitos aos times. A rejeição foi comemorada pelo Bom Senso F.C., que cobra contrapartidas dos clubes para endurecer o fair play financeiro antes de ceder ao refinanciamento.

O artigo 141 permitiria o pagamento da dívida em 240 vezes com desconto de 70% nas multas e de 50% nos juros, sem exigir cumprimento de medidas de responsabilidade financeira. A CBF era a favor da aprovação.

Líder da lista, o Atlético-MG deve R$ 282,6 milhões. Em outubro de 2014, o clube fez acordo coma União e garantiu desconto de R$ 70 mi – para tanto, tem de pagar em dia as 180 parcelas até o fim do débito. 

FOX