FERRO E AÇO MACHADO EM ALTO SANTO-CE

terça-feira, 19 de maio de 2015

Alto Santo: TJCE discute ações de combate à violência doméstica no Vale do Jaguaribe

A presidente da Coordenadoria da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar do Tribunal de Justiça do Ceará, desembargadora Sérgia Miranda, cumpriu agenda, nesse último final de semana (15 e 16/05), na comarca de Alto Santo. No município, a magistrada se reuniu com representantes da rede de proteção à mulher em situação de violência doméstica. Além disso, teve encontro com juízes que atuam na Região do Vale do Jaguaribe.

De acordo com a desembargadora, o enfrentamento à problemática exige “saída da zona de conforto”. Para Sérgia Miranda, ações eficazes só serão concretizadas através da atuação conjunta e comprometida dos poderes públicos e da sociedade civil. “Nossas atividades à frente da Coordenadoria têm o objetivo de fornecer suporte aos magistrados para aplicação eficaz da Lei Maria da Penha, assim como buscar a articulação do Tribunal de Justiça com órgãos e entidades externas para estimular o desenvolvimento de políticas”, reforçou a magistrada.

Durante a agenda no Interior do Estado, a desembargadora proferiu palestra em que abordou aspectos históricos da subordinação feminina no Brasil e explanações sobre a Lei Maria da Penha. Ela deu ênfase à obrigação dos poderes públicos na implementação de ações de prevenção e de enfrentamento à violência.

O evento contou com a presença dos juízes Domingos Costa e Tácio Gurgel; o prefeito de Nova Jaguaribara, Fracini Guedes; o presidente da Câmara Legislativa de Alto Santo, Francisco Maciel; representante do Instituto Maria da Penha, o cordelista Tião Simpatia; representante da Polícia Militar, Capitão Menezes; da secretaria de Assistência Social de Alto Santo, Zilviely Diógenes; e a representante da Associação dos Municípios do Estado do Ceará, Iris Gadelha.