FERRO E AÇO MACHADO EM ALTO SANTO-CE

sexta-feira, 18 de março de 2016

Ato de apoio a Lula e Dilma prevê cerca de 150 mil na Paulista



O evento contará com a presença do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que estará no palco principal, em frente ao Museu de Arte de São Paulo 


Líderes das entidades que integram a Frente Brasil Popular se reuniram na tarde desta quinta-feira (17) com o secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre de Moraes (PSDB), para pedir garantias de segurança para o ato contra o impeachment marcado para hoje (18), às 16h, na capital paulista.


De acordo com informações do Portal IG, o grupo estima que mais de 150 mil pessoas estarão no evento, que contará com a presença do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que estará no palco principal, em frente ao Museu de Arte de São Paulo (Masp).

Os organizadores também pediram que a Polícia Militar desocupe a avenida Paulista, interditada atualmente por manifestantes pró-impeachment. "Na semana passada, o governador e o secretário deram entrevista coletiva dizendo que os manifestantes podiam ir tranquilamente à manifestação que ocorreu domingo (13). Deixaram de fazer isso agora e nós cobramos", afirmou Emídio Souza, presidente do PT-SP.

Na quinta-feira da semana passada, o governador Geraldo Alckmin e Moraes receberam lideranças do Movimento Brasil Livre e deputados de oposição no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista, e concederam entrevista coletiva ao lado deles.


IG