FERRO E AÇO MACHADO EM ALTO SANTO-CE

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

Mulher corta o pênis do marido após descobrir que ele abusava da sua filha


Aconteceu na cidade de Cachoeiro de Itapemirim, no Espirito Santo (ES): uma mulher de 25 anos, ficou furiosa e cortou o pênis de seu marido após descobrir que ele estava violentando sexualmente sua filha. O nome do acusado não foi divulgado, mas segundo informações ele tem 26 anos.
Segundo os relatos da polícia, o abuso ocorreu quando a menina estava na casa da sua avó, que é deficiente visual. Ainda conforme os relatos policiais, o acusado tirou vantagem da situação para abusar da enteada. Contudo, a criançacomeçou a sentir muita dor e a gritar, então o suspeito teria a ameaçado caso ela dissesse algo para sua mãe. Com medo de apanhar do padrasto, a garotinha contou o que aconteceu para a avó.
Ouvindo parte da conversa, a mãe da criança ficou sabendo o que seu marido teria feito, com quem estava casada há aproximadamente 4 anos. Ela então o denunciou para a Polícia Militar onde foi aconselhada a ir até o conselho tutelar da cidade, que marcou uma reunião. A menina de 6 anos é fruto de outro relacionamento da mulher e com o suspeito ela tem uma filha de 2 anos.
A mãe da menina foi presa em flagrante pela polícia, e a mesma poderá pegar até cinco anos de cadeia.
Segundo o site Valle Notícias, a jovem relatou para a polícia que por volta das 22 horas, ela estava com muita raiva e revolta e foi até a cozinha, pegou uma faca peixeira e foi até o quarto, onde ele estava deitado e decepou o órgão genital do acusado. Após o ocorrido, ela fugiu da casa levando a sua filha e sua mãe. Após algunsminutos ela ligou para a polícia relatando o que tinha acontecido.
Ainda segundo informações do site, o suspeito foi socorrido e levado para uma unidade médica. Já no hospital, o recebeu os atendimentos necessários. A menina passou por exames médicos e, caso seja confirmado que houve penetração na criança, o suspeito responderá o processo pelo crime de estupro de vulnerável, mas como não houve flagrante, o mesmo vai responder o caso em liberdade. A mãe da menina foi presa em flagrante pela polícia, e a mesma poderá pegar até cinco anos de cadeia.

(Via Agência de Notícias e Valle Notícias)