FERRO E AÇO MACHADO EM ALTO SANTO-CE

segunda-feira, 24 de abril de 2017

Ministros do Supremo Tribunal Federal querem goleiro Bruno de volta à prisão




 

Ele é acusado de mandar matar a ex-amante Eliza Samúdio e foi condenado a 22 anos e três meses de prisão
 
O Supremo Tribunal Federal (STF) solta e também prende. É isso mesmo.
Segundo Lauro Jardim, a maioria dos ministros do STF é favorável à prisão do goleiro Bruno.
Ainda de acordo com a coluna, “a tendência na Primeira Turma do STF é mandar o gol Bruno de volta para a prisão”.

Entenda
O goleiro Bruno, acusado de mandar matar a ex-amante Eliza Samúdio, foi condenado a 22 anos e três meses de prisão. Ele esteve preso desde 2010, mas em fevereiro deste ano foi solto graças a uma liminar do ministro Marco Aurélio de Mello do STF.
Condenado apenas na primeira instância, ele recorre da sentença desde 2013. Como o recurso ainda não foi julgado, a prisão continua sendo preventiva.

O Supremo entendeu que ele passou tempo demais na cadeia para uma prisão preventiva, por isso, ganhou o direito de aguardar o julgamento do recurso em liberdade.

FONTE: CEARÁ NEWS7